segunda-feira, 31 de outubro de 2016

BIVA: Vale a pena o risco? É confiável? - Análise

Será que dá pra acreditar?

Investimentos mais rentáveis, ao alcance de todos, de forma segura. E de quebra, ainda ajuda empresas incríveis. Isso está soando "bom demais pra ser verdade"? Bem... é isso que a Biva promete. Se você gostaria de experimentar um almoço grátis, vamos dar uma olhada pra ver se eles entregam realmente o que prometem.


Mas o que é a BIVA?

De uns meses pra cá, tenho escutado bastante ti-ti-ti sobre uma tal de Biva, que ofereceria investimentos a juros acima do praticado no mercado. Dei uma pesquisada, e olhe o que descobri: A Biva é uma empresa que faz o que eles chamam de P2P Lending, ou: "empréstimo de amigo para amigo", numa tradução livre. Como funciona o esquema? Da seguinte forma: O investidor dá o dinheiro para a BIVA, que empresta o dinheiro para pequenos empresários, ficando com uma grande comissão, pagando juros acima do mercado de CDBs ou LCI para o investidor. A diferença da BIVA para um CDB comum, é que ele não possui nenhuma garantia (como Fundo Garantidor de Crédito), ou seja, se o tomador do empréstimo não pagar, o investidor toma na cabeça. Para compensar a falta de garantias, a BIVA paga juros realmente muito acima dos juros de um CDB, sendo coisa na faixa de 175% do CDI, ou 25% ao ano. Uma imagem vale por mil palavras, então vamos lá:


Agora que você já entendeu como funciona a operação, vamos aos detalhes.

Para o micro empresário tomador do empréstimo: Empréstimos de até R$ 100 mil, com taxas de juros entre 2,4% e 6,3% AO MÊS, conforme retirado do próprio site da BIVA. O empresário tem até 2 anos para pagar o empréstimos. As taxas de juros cobradas pela BIVA não são nem altas nem baixas; são taxas de mercado, similares a aquelas que conseguimos em crédito pessoal ou crédito consignado em bancos, portanto não vejo um grande problema. Uma ressalva MUITO grande para quem investe, é que segundo o site da BIVA, o dinheiro é entregue através de um processo "com aprovação simples e rápida, sem necessidade de prestar garantias", o que obviamente é bastante temerário para quem fornece o dinheiro (o investidor fominha). Confira as imagens do site deles:


Para o investidor (fornecedor do dinheiro): Quase toda semana a BIVA monta uma carteira de empréstimos (várias empresas consolidadas), que ela chama de "portfolio". Esse portfolio contém muitas empresas, e centenas de milhares de reais. O investimento mínimo é de R$ 5.000, e quando você investe, seu dinheiro será espalhado entre todas as empresas formadoras do portfolio. Assim, quando algumas delas derem o calote (e isso invariavelmente vai acontecer com algumas), existe apenas uma redução no lucro potencial, e não há perda total do capital. O dinheiro é pago (amortização + juros) em fluxo de caixa, ou seja, conforme os empresários vão pagando a dívida, você vai recebendo o dinheiro de volta, algo muito parecido com um CRI (ou mesmo uma debênture). As taxas de juros prometidas pela biva são "até" 175% do CDI, ou cerca de 25% ao ano. Importante aqui é notar o "até"; ou seja, isso aconteceria apenas numea hipótese improvável de todos os empresários pagarem 100% em dia... o que obviamente não acontece, dada a fraqueza da análise de crédito ("aprovação simples, rápida, e sem necessidade de prestar garantias", como eles mesmos dizem.

A Biva tem uma estratégia de marketing muito boa; eles usam nomes bonitinhos para os portfolios, e criam historinhas para explicar os nomes - algo muito similar ao feito pela Empiricus -, e toda semana enviam emails para quem estiver cadastrado, informando da abertura do portfolio novo.

Inicialmente (em 2015 e começo de 2016) a Biva funcionava com um modelo diferente, em que oferecia proteção do FGC, mas atenção, pois isso nao existe mais. Existem muitas notícias antigas ainda circulando pela net, mas a informação atualizada é essa: A Biva atualmente não dá nenhuma garantia ou FGC para o investidor; o imposto de renda segue a tabela da renda fixa (22% até 15% conforme o prazo)


Mas e agora, gatinha... será que vale a pena arriscar nessa  tal de BIVA??

Não dá para dizer com certeza ainda, pois o negócio é novo. Tudo vai depender de como vai transcorrer a inadimplência dos tomadores do empréstimos. Levar um calote aqui ou outro ali não é problema; afinal de contas, isso faz parte do modelo. A questão é se realmente as taxas de inadimplência prometidas vão se concretizar. Eles falam que a inadimplência, segundo os modelos deles, é de cerca de 10%, e que isso é uma taxa segura para que o negócio dê certo. Eles também colocam que os primeiros pagamentos são para o investidor; e somente os últimos vão para a Biva, ou seja, a Biva "só senta na mesa depois que todo mundo tiver comido".

Eu juro que estou tentada a experimentar a Biva; fiz meu cadastro e todas as semanas recebo o e-mail me convidando a entrar no novo portfolio. É uma oferta tentadora sim, afinal de contas, quem é que não cresce os olhos ao ver taxas de retorno tão altas? (25% ao ano). Mas temos que ficar muito atentos para essas ofertas de "almoço grátis". Quem for um pouco mais velho vai se lembrar de negócios que apareceram como "a oitava maravilha do mercado financeiro", e depois acabou se convertendo em prejuízo global, como o tal Avestruz, Boi Gordo, TelexFree, etc. Portanto, recomendo muita cautela para quem quiser experimentar o modelo: começar com o mínimo possível de dinheiro, e só colocar mais depois que tiver recebido tudo de volta da primeira tentativa e confirmar que o modelo funciona.

Quanto á legalidade da empresa, aparentemente está tudo certo; a documentação está em ordem, e não há aparentemente nenhuma irregularidade. Jà coletei relatos de investidores que colocaram dinheiro lá e estão recebendo certinho todos os meses. Mas agora... como a história vai terminar, só o futuro vai dizer. Fica por conta e risco de cada um!!

Quem quiser conferir o site, dá uma clicada nesse link: BIVA


Vou colocar abaixo os depoimentos de gente que comentar, tá? 

Depoimento de quem já investiu:

Nome:  Repúblic dos Dividendos: 
Depoimento: Achei que Biva seria uma BOA, investi em 4 portifólios sendo um aquele 30%a.a. Moral da história: 1 - O seu “investimento” demora virar investimento: Demora MUITOS dias até eles te enviarem um comprovante de investimento e mais ainda para o primeiro pagamento ‘cair’.  2. Pagamentos sempre atrasam alguns dias: Se tiver que receber dia 10, certamente cairá perto do dia 13.  3. (triste) Empresas não pagam o Biva: É meu querido… Não é festa, Biva não rende nada. Estou torcendo para receber meu dinheiro de volta sem rentabilidade nenhuma.  4. (Bonus) As “rodadas” terminam em menos de um minuto: Só tem um jeito de colocar o dinheiro lá tendo uma internet boa, um computador bom e ser rápido no gatilho. Conclusão: É uma cilada, Bino!

Se você já investiu na Biva, ou tomou empréstimo com eles, ou conhece alguém que tem uma história pra contar... deixe seu depoimento nos comentários!

Beijinhos!!! =^.^=

O perigo de entrar em um IPO


Os IPO são lançamentos de ações na bolsa. Ou seja, as ofertas primárias, quando uma companhia que não existia na bolsa passa a existir. Eles ficaram muito famosos há uns anos, e há relatos de pessoas que fizeram fortunas entrando em IPOs de ações que depois valorizaram muito. E aí está a pegadinha.

O funcionamento é assim: As corretoras lançam uma oferta pública, dizendo que está aberto o período de reserva para quem quiser comprar. Daí inicia-se um processo de "bookbuilding", que nada mais é que um leilão para ver quem leva a ação. Como existem um número limitado de cotas, cada pessoa diz o preço que está disposto a pagar, e quem der mais, leva. Isso é feito tanto em ações quanto em debêntures, FIIs, CRI, etc, quando do seu lançamento. Todas as grandes corretoras participam dessas ofertas públicas, mas as principais são XP, EasyInvest, e Socopa. Basta ir na área de "ofertas públicas" da corretora e a gente vê quais são as ofertas abertas.



O grande problema das ofertas de ações, é que logo após o lançamento, elas vão ser lançadas no mercado, e a gente nunca sabe o que vai acontecer após o lançamento: as ações vão cair ou subir?

O mais recente IPO de ações foi da Alliar - Centro de Imagem Diagnósticos S.A, que lançou uma ação com nome de AALR3. O preço do bookbuinding era de R$ 19 a R$ 25 por ação.

Pesquisando sobre a empresa, vemos só boas noticías; empresa promissora na área de diagnóstico por imagem (exames de ressonância, ultra som, tomografia, etc). Tinha um ótimo potencial. 

Mas o que aconteceu no lançamento?

Lançamento na bolsa após o IPO

Olhando o gráfico, a gente vê uma queda de mais de 7% ...


Existem vários motivos que podem justificar essa queda. Um deles é que muitas pessoas podem ter comprado só para especular, achando que ia entrar em uma barganha e depois ia vender com lucro. Mas após uma pequena queda inicial, essas pessoas entram em desespero, e se desfazem rápido do papel, gerando um efeito manada, que joga o preço lá pra baixo. Existem também pessoas que acreditam que os emissores possuem estratégias ocultas para inflar o preço, ou seja, criar um expectativa acima da realidade na hora da emissão... e que as ações valem menos do que se imagina. Dessa forma, ao mercado "perceber", o preço cai.

De uma forma, ou de outra, fica um aviso. Se você quer apenas especular, ou mesmo se você quer fazer B&H, tome muito cuidado com os IPOs... pois eles não são mais a "festa do caqui" que foram um dia.

Beijinhos!!!

obs: Desculpa gente, eu sei que disse que ia fazer um post só por dia... mas é que o assunto estava pulando na minha frente aqui!! E voltar para as apostilas de concurso é tãaaaaaao chato... kkkk... ;-P =^.^=

Dia de aportar! Veja como fazer!

Oi gente... tudo bem? Por aqui tá mais ou menos sabe. Tive alguns problemas familiares muito sérios ontem. Não vou comentar aqui porque conforme eu havia dito nesse post, ninguém (ou quase ninguém) quer me escutar me lamentando. Acho que é nessas horas que sinto falta de ter um namorado... mas acho que os namorados também não têm muita paciencia para mimimi né? Então... cabeça pra cima, vamos lá escrever o post do dia.

Sabe que quem está no caminho das economias, faz aportes mensais (ou pelo menos deveria) nos seus investimentos. Vejo muita gente cometendo um erro básico: faz o aporte "com o que sobra no mês". Não é essa a melhor forma. A maior eficiência a gente consegue fazendo o aporte antes de começar a gastar.

Portanto, se você quer atingir sua independência financeira, faça assim: Assim que receber seu salário, antes de gastar o primeiro centavo, separe no mínimo 10% do total líquido, e guarde (invista). Se você fizer isso desde cedo, ficará rico invariavelmente. Mas como a maioria de nós só consegue começar a guardar alguma coisa depois dos 30, o ideal é fazer aportes de no mínimo 20%. Mas se você realmente tem dificuldade para guarda, mantenha-se nos 10% do líquido mensal. 

Existem algumas perguntas, que pessoas endividadas fazem. Coisa do tipo: "-Mas Gatinha, eu estou cheio de dívidas! Devo começar a guardar?" A resposta é... SIM. Mesemo se você tiver dívidas, deve começar sua poupança. Isso porque se você tem dívidas, é porque tem dificuldade de controlar suas finanças. Iniciar a economia vai gerar uma mudança na forma de sua cabeça entender o dinheiro; vai gerar um sinal de que começou a sobrar ... e isso vai te ajudar a pagar as dividas. Comece pagando sempre as com juro mais alto, e inicie a economizar simultaneamente ao pagamento das dívidas.

"-Mas gatinha!! Eu mal consigo passar o mês! Não sobra nada!!". Bem... nesse caso, se você já leva uma vida muito frugal e não sobra nada,  comece economizando 1%... quando se sentir confortável, aumente para 2%... em pouco tempo você verá que dá para chegar nos 10%.

De qualquer forma ... agora é hora de falar da MINHA economia, e dos meus aportes.

Recebi meu salário HOJE, e já defini minha meta de economia para esse mês: 44% do líquido. Mas como cheguei nesse número? 

 Assim: peguei o total de gastos do mês passado (pra isso usei minha planilha de controle de gastos), e diminuí esse valor do salário desse mês, separando uma margem de segurança. 

Se até o final do mês eu não tiver nenhum gasto inesperado (como quebrar a tela do celular), invisto também a margem de segurança. 



 De qualquer forma, seguindo a minha estratégia dita acima, já aportei os 44% desse mês. Como eu já falei em posts passados, estou dando uma girada na carteira, me livrando de uns CDB/LCI contratados com taxa muito ruim. Então esse mês resgatei um CDB, juntei ao aporte do mês, e coloquei mais dinheiro em um fundo.

Os FIIs estão subindo muito, não sei se isso é bom ou ruim, pois a alta do valor da cota está levando o DY para o chão... me coça o dedo para vender tudo, mas vou me segurar.

Minha carteira portanto está muito mais equilibrada agora, com mais ou menos 1/3 em FII, 1/3 em fundos, e 1/3 em LCI. Tem um tiquinho de debêntures também...

A meta para os próximos meses é manter os aportes no fundo. Eu gosto de fundos sabe, eles me dão a impressão de que o meu dinheiro está sendo bem cuidado (mesmo sabendo que nem sempre isso é verdade). Os fundos tem a vantagem de que você simplesmente vai aportando mais, e mais no mesmo fundo... sem ter que ficar se preocupando com datas de vencimentos ou taxas dos títulos. Existem muitos fundos bons no mercado, inclusive uns dos meus preferidos estão na Modalmais (corretora do banco Modal), mas ouvi dizer que eles podem ser comprados na XP também.


Os fundos deles são adaptados para todo tipo de desejo de risco (desde conservador até arrojado), e a taxa de administração não é muito salgada. Atenção: Não estou recomendando nem desrecomendando a compra do fundo, é só minha opinião e palpite pessoal.

Os fundos de ações ou multimercado são interessantes para quem quer se expor a esse tipo de ativo (ações, dólar, juros, etc) mas não tem tempo para estudar com detalhe cada papel. Nesse caso, o gestor do fundo administra a carteira e a gente apenas entra como cotista passivo. Uma outra vantagem dos fundos, é eles terem liquidez.

A minha carteira está tendo um rendimento fantástico graças ao salto nos FIIs... mas tenho minhas ressalvas quanto a esse tipo de aumento que é causado só por marcação a mercado em face de oscilação de taxas de juros... pois sei que uma hora a conta vai chegar.






Lembro que meu fechamento vai do dia 18 ao dia 18... e que comecei a computar a rentabilidade só a partir de agosto...


Bem gente... era isso que eu tinha pra postar por hoje! Ah! Tentei aumentar a fonte do blog, não sei se deu certo.

Beijinhos!

Misty Gi =^.^=

sábado, 29 de outubro de 2016

1000 visitas por dia! Obrigado gente!

Obrigado!!! É só isso que tenho a dizer para vocês, meus leitores! Essa semana atingimos a incrível marca de 1000 pageviews por dia, e ultrapassamos a marca de  mais de 10.000 visualizações em menos de um mês de blog!

Estou extremamente feliz, mas pouca coisa me deixa mais feliz que o carinho que tenho recebido de vocês nos comentários! Estou me esforçando para fazer um blog mais agradável e melhor para gente!

Assim, tenho algumas novidades para apresentar, que vão nos ajudar a deixar o blog do jeitinho que você gosta.

Primeiro, dei uma revisada no visual dos menus e janelas. Está com um aspecto bem mais bonito! Sei que tem gente que não gosta do nome do blog (um pouco apelativo), ou do excesso de cor-de-rosa (com uma jeitinho de legalmente loira)... mas essa sou eu, né gente? Desculpa... =^.^=

Outra novidade, é a possibilidade de você dar uma nota para cada postagem, no final:

Quadradinhos de avaliação da postagem

As postagens que tiverem um grande número de "adorei" serão usadas como referência para novas postagens, ou seja, marcando "adorei" eu vou escrever mais postagens seguindo a mesma linha da que você gostou. As marcadas como "regular" ou "não gostei" vão ser reduzidas ou até mesmo eliminadas do blog. Legal né? É como se fosse um programa de avaliação e satisfação continuada do cliente ... kkkk... 

Portanto, não deixe de avaliar as postagens, para me ajudar a deixar o blog mais a sua cara!

Não gostou de uma postagem? Marque o "não gostei" sem dó, que você irá ver menos postagens parecidas com ela.

Adorou? Marque o "adorei", e posts como ele se multiplicarão... Eu achei isso super legal!

Como diz o Brian Tracy, a "crítica é tão necessária quanto repugnante."; ele diz que quem recebe uma critica deve responder com "Me dê um exemplo" ou "Fale mais sobre isso...". Assim, eu não tenho medo nem raiva de ser criticada, pois sei que só assim posso crescer como blogueira ou como pessoa.

Outra coisa que estou fazendo, é seguir o que eu falei nessa postagem, ou seja, estou tirando das recomendações de blogs os que não fizeram o mesmo por mim. Acho isso mais justo com as pessoas que me indicam no blogroll né?

Mas não se preocupe! Não guardo rancores, e qualquer blogueiro que quiser participar do Programa Troca Solidária de indicações de blog, é só dar uma olhada nesse post, que trocamos as indicações! Estamos crescendo muito, e gostaríamos de ajudar os outros a crescer juntos!

Beijinhos!

=^.^= Gi

Você se sente ralizado? O que falta para você??

Eu não conheço você. Mas vou responder. Provavelmente não.

Uns dias atrás, eu fiz aqui no blog uma postagem com uma enquete para ver se dinheiro traz felicidade.  Se você quer ver a postagem original, ela está neste link.


Esta postagem incluia um questionário, com 6 perguntas anônimas (de marcar x), onde a pessoa dava respostas sobre seu grau de felicidade.

Para quem quiser responder a pesquisa, em total anonimato, e sem nenhum tipo de registro sobre a identidade de quem responde, é só clicar neste questionário do "google forms". Eu ainda estou coletando as respostas para quem quiser participar.

Mas o que me supreendeu até agora (já tenho um bom número de respostas), foi a resposta para essa simples pergunta: Você se sente realizado? Incrivelmente, mais da metade das pessoas simplesmente não está realizado. E esse resultado se reproduziu em todas as faixas de renda. Mas então eu pergunto. O que falta para você? Falta dinheiro? Falta sucesso? Falta poder? Ou você só queria poder ter uma outra vida, que não fosse a sua?

Para você descobrir qual o motivo da sua frustração e falta de realização, é importante lembrar da pirâmide de Maslow. Esse tal de Maslow é o "pai" da satisfação e felicidade humana; ou seja, ele que fez o mais importante estudo tentando responder por quê as pessoas são felizes ou infelizes. Ele colocou a seguinte pirâmide, como conclusão do seu trabalho:

Ele dividiu as necessidades humanas em 5 camadas. Nós só conseguimos as camadas de cima quando as camadas de baixo já estiverem garantidas. Quanto mais alto você conseguir chegar nas camadas da pirâmide, mais feliz e realizado você será. Se você gostaria de se tornar uma pessoa mais realizada e feliz, é bom fazer uma análise de o que está faltando para você conseguir progredir. As camadas são as seguintes:

1) Base da pirâmide - necessidades do corpo: Aqui entra a comida, a água, o sexo,  o sono, e o banheiro. Se faltar qualquer uma dessas coisas para você, será impossível você se realizar de qualquer forma. Pense você super apurado para ir ao banheiro (número 1 ou número 2). Você consegue pensar em alguma outra coisa? Não mesmo!

2) Segundo nível - segurança - Uma vez que você tenha garantido as necessidades do corpo, você precisa se sentir seguro. A insegurança, em todas as áreas de sua vida, impedem sua realização.

3) Amor e relacionamentos - Como está seu relacionamento com amigos, parentes, esposa, e filhos? Muitas vezes nós temos problemas nessa área e não percebemos que elas impedem de sermos felizes.

4) Auto estima - Você está acima do peso? Está em um trabalho que é mau visto pelos seus conhecidos? Seu chefe te humilha? As pessoas não valorizam o seu esforço? Trabalhar na sua auto estima é o único caminho para a realização pessoal plena.

5) Topo da pirâmide - a realização pessoal plena - Se você já conseguiu  garantir todos os níveis abaixo, agora é a hora de você garantir os seus desejos mais íntimos de realização. É você com você mesmo. Esses dias aqui no blog um rapaz postou um comentário, contando que ganha 20 mil reais por mês, mas odeia seu trabalho. Para ele conseguir atingir a realização plena, ele precisará fazer (ou não fazer) o que gosta; ou seja;  talvez seja por esse motivo que ele está na luta da independência financeira.

Uma coisa muito interessante desses níveis de realização, é que eles são totalmente independentes um do outro.  Além disso, o dinheiro pode ajudar em muitos deles, mas existem algumas "barreiras" nos níveis que não podem ser compradas. Você consegue comprar comida, casa, fazer uma reserva financeira, e até pagar para ir a um banheiro com dinheiro, mas a barreira dos relacionamentos e amor é intransponível apenas com dinheiro. Dessa forma uma pessoa que tenha apenas dinheiro, ficará restrita aos níveis mais baixos da felicidade. Para realmente progredir fundo na felicidade, você precisa mais do que o vil metal.  E talvez seja esse o problema de 51% dos leitores do blog.

Para faclitar sua vida, vou colocar uma outra figura, mais especificada, para que você possa fazer um checklist do que falta para você, de forma a melhorar sua felicidade. É a mesma pirâmide de Maslow, mas com camadas mais detalhadas. Va passando item por item e veja onde você pode melhorar:



Base - comida, sono e sexo: Você anda dormindo o suficiente? Quantas horas de sono você tem por noite? Como andam suas refeições? Você tem refeições quentes e gostosas todos os dias, ou está comendo so porcarias? O número de relações sexuais que você tem está suficiente, ou excessivo?

Segundo nível: Como está a sua segurança? Avalie os seguintes níveis de segurança:
- Corporal = violência urbana, medo de sequestros, ou até bullying de grandalhões
- Propriedade = seguro de carro, seguro de casa, medo de roubarem seus bens
- Saúde = plano de saúde, você tem?
- Reserva de emergência = você tem um dinheirinho guardado para uma emergência?
- Segurança dos Investimentos - seus investimentos estão seguros? tem FGC? Ou podem sofrer um grande colapso?

Terceiro nível - Relacionamentos: Sua mãe e seu pai se dão bem com você? Você foi ou é amado por eles? Como você se relaciona com mulher e filhos? Você se dá bem com os colegas no trabalho? Você se mete em brigas no facebook, whatsapp, ou grupos? Você tem um amigo de verdade? Você encontrou um parceiro afetivo?

Quarto nível: Auto Estima - As pessoas te respeitam? Seu emprego é valorizado pela sociedade, por seus amigos e seus parentes? Você é admirado por alguém? Alguem te despreza? Você é respeitado pela sociedade? Você recebe críticas frequentemente de seus pais ou familiares? Você está gordo demais e isso faz você se sentir mau? Você é pobre demais, e se sente humilhado por isso? Você fica o tempo todo se comparando com alguém, e sempre parece que você está pior?

Último nível - auto realização plena - Pouquíssimas pessoas conseguem chegar nesse nível, pois ele exige que você já tenha conseguido tudo abaixo, o que é muito difícil. Você tem aquele emprego com que sempre sonhou? Seu corpo está no nível exato que você gostaria? Você olha para trás na sua vida e não mudaria nada? Se você tivesse que viver de novo, gostaria de ser a mesma pessoa? Se você morresse hoje, poderia dizer que já fez tudo que queria, e está em paz? Você completou suas metas e objetivos? Esse nível é apenas para pessoas com elevado nível de sabedoria e equilíbrio mental. Não é para qualquer um. Note que isso não depende mais de dinheiro.

Bem gente... era isso que eu tinha para dizer!! Hora de fazer sua auto avaliação, e melhorar sua qualidade de vida né!! Lembre-se, comece de baixo para cima na pirâmide! Você só consegue melhorar os andares de cima quando os de baixo já estiverem completos... é como uma caixa dágua, só enche de baixo para cima!!

Agora... se você acha minha visão meio "simplezinha" demais (mas é meu jeito, né gente!!), vou colocar abaixo uma análise feita pelo leitor do blog Mr. Black, que achei fantástica!! Aí vai:

"Os níveis 1 e 2 da pirâmide, a nossa sociedade praticamente resolveu o problema. Poucas pessoas morrem de fome, doenças, ou não tem um teto para se abrigar à noite. Mesmo os sem-teto podem dormir em abrigos das prefeituras nos grandes centros. Apesar da criminalidade, as cidades possuem um bom grau de segurança comparado a 50 anos atrás, onde a maioria dos lugares era terra de ninguém. Resumindo, a sociedade abstraiu nossas necessidades mais básicas, de tal forma que raramente precisamos dispender esforços nisso. [nota da blogueira: Temos a exceção das pessoas que "voluntariamente" se privam de coisas básicas, como sono... por exemplo executivos, médicos, policiais que fazem turno extra à noite, enfermeiras que dobram plantões em dois serviços ... etc), professoras que trabalham de dia numa escola e de noite em outra... todos seles se alimentando mal, dormindo mal... e virando verdadeiros zumbis cronicamente estressados.]

Por isso, sua pesquisa provavelmente vai apontar insatisfações dos níveis 3 em diante, porque tais níveis fogem do escopo da sociedade e entram no campo do esforço individual.

Tomando como exemplo os relacionamentos em geral, muita gente diz que antigamente que era bom se relacionar. Eu concordo, “pero no mucho”. Antigamente, as pessoas não buscavam casamento apenas pelo amor. O casal precisava somar os esforços para garantir o que comer, o que vestir, uma casa limpa, e ter muitos filhos era ter mais mãos para ajudar no trabalho árduo. Nas vilas as pessoas se davam bem com os vizinhos, e todos conheciam todos. Isso garantia maior segurança no bairro, já que o policiamento era precário. Ou seja, antigamente as pessoas precisavam umas das outras para atingir os níveis mais básicos da pirâmide. Essa forte necessidade dos outros tornava os relacionamentos mais fortes.

Aí a sociedade evolui e garante essas necessidades básicas. Vem a tecnologia, e soluciona a maioria dos problemas. O que acontece então? Acontece que as pessoas agora tem uma fraca necessidade dos outros. Hoje em dia é totalmente viável a pessoa morar sozinha, a vida toda, se ela assim quiser. Como a relação é direta, necessidade fraca torna os relacionamentos fracos. As pessoas podem simplesmente cortar relações do nada, que isto não vai impactar nas suas necessidades mais básicas.
[nota da blogueira: Volunariamente ou tecnicamente, as pessoas conseguem viver sozinhas... mas a natureza dá um grito pela nossa necessidade de amar alguem, e muitas vezes as pessoas sozinhas acabam desviando seu foco de amor para objetos não humanos, em geral gatos ou cachorros. Eu, por exemplo, tenho pavor de me tornar a "mulher dos gatos"]

Por que antigamente os relacionamentos tinham mais profundidade e eram mais duradouros? Simples, porque as pessoas precisavam uma das outras. Hoje, como a necessidade é menor, e às vezes nula, tem-se relacionamentos rasos e com data de validade.[Nota da blogueira: Pois é, cercados de gente, mas sozinhos.. quem aqui viu o filme "Lost in Translation"?]

São os novos desafios dos novos tempos. Atualmente eu estou insatisfeito apenas nos relacionamentos amorosos. É difícil aprofundar um relacionamento amoroso hoje em dia. Relacionamentos são tão efêmeros. Nas demais camadas da pirâmide, eu estou pelo menos “parcialmente satisfeito”."
[Nota da blogueira: Como disse Paulo aos Coríntios: Mas sem amor... eu nada seria.]

Beijinhos no coração,

Misty Gi =^.^=



Mais dicas para a independência financeira!

Oi gente!! Tudo bem? Por aqui tudo tranquilo.

O post de ontem fez tanto sucesso (10 dicas para a independência financeira), que, conforme prometido, estou mandando mais um montão de dicas! Bem... não são tantas assim, são apenas mais 10; mas é que é tão fácil escrever dicas para a independência financeira, que poderia ficar o dia todo escrevendo sobre isso. E sabe por que é tão fácil? Porque tudo de bom que você fizer em sua vida, de certa forma já levará você um pouco mais próximo da sua independencia financeira. Desde você conseguir um bom trabalho, se dedicar aos estudos, comprar sua casa, economizar, buscar qualidade de vida, pagar suas dívidas, se dedicar, ter bons relacionamentos.... praticamente toda área de nossa vida, de alguma forma se for boa, nos levará mais próximos da IF. Então, aí vão algumas novas dicas para você alcançar a tão sonhada riqueza, ou independencia financeira ou... talvez só gastar menos e ganhar mais mesmo? Vamos lá! Espero não repetir nenhuma das de ontem... vou começar a numreação em "11", pois no post de ontem já tinha dado 10 né? kkkk

11) Erre mais - Peraí, Gatinha, que raio de dica é essa? Errar? Como issso vai me ajudar em alguma coisa? Eu sei que essa dica pode parecer esquisita no começo; mas o erro é uma coisa muito importante no nosso sucesso! Isso porque errar significa tentar mais, significa experimentar coisas diferentes, significa fugirmos do lugar comum. E são justamente essas tentativas que eventualmente nos levarão ao sucesso. Uma vez perguntaram para o fundador da IBM (esse cara aí da foto ao lado) o que alguém deveria fazer para aumentar sua quantidade de sucessos. A resposta dele foi: "Dobre os seus erros". As tentativas e a persistência são a chave do sucesso. Imagine um menino feio na balada que quer ficar com uma menina. Mesmo se a taxa de sucesso dele for de apenas 10%, se ele chegar junto em 10 meninas, a chance de ele conseguir ficar com alguém vai ser de 65%. Jà um menino muito bonito (80% de chance de sucesso) que não chegar em nenhuma, por vergonha... bem, nem preciso dizer que não vai pegar ninguém né?? =^.^= . Vocês não imaginam a quantidade de meninas que ficam plantadas nas baladas esperando alguem chegar nelas, mas ninguém chega... e isso mesmo entre as bonitas, viu? Tente mais; erre mais... e o sucesso chegará. 

12) Pare de lamentar os erros do passado - Tenho visto um montão de postagens aqui na blogosfera que dizem assim: "Ah, se eu tivesse meus 20 anos de volta...." ou "Ah, se eu tivesse começado a economizar aos 20... eu só fazia besteira e torrava tudo!"... "Como eu queria poder voltar no tempo com a cabeça de hoje.". Gentêeeee... Aloooou... você não precisa fazer nada disso! Tudo que você é hoje, toda essa cabeça fantástica que você tem hoje, é justamente resultado de tudo de ruim que você fez antes, das suas experiências, e das besteiras de sua juventude. Quando a gente é novinho, é justamente  a hora de errar. Pessoas que quando são novas fazem tudo certinho, excessivamente, desenvolvem baixo espírito de competitividade,baixa capacidade de resolver encrencas, ou seja, uma baixa resiliencia. Toda fase de nossa vida tem o seu momento de acontecer e de ser, mesmo os erros. Conheço algumas pessoas (homens) que viveram uma vidinha como relógio suíço, sem nunca dar um mísero passo para fora da linha da matrix; e depois dos 40 simplesmente surtaram; tiveram crises da Idade do Lobo, largaram a família, a esposa, o trabalho.... arrumaram uma namoradinha de 19 anos e tentaram correr atrás do tempo perdido. Isso não funciona. Pare de lamentar tudo de errado que você fez aos 20 anos, e mantenha seu olhar somente para frente. Quando estiver tentado a lamentar o passado, repita para você mesmo: "-Hoje é o primeiro dia do resto da minha vida." 

13)  Pesquise antes de comprar - Puxa gente, depois de umas dicas tão psicologicamente profundas como as acima, agora venho com essa diquinha água com açúcar? Pois é... eu sei que parece besteira e que você já escutou mil vezes. Mas faz toda a diferença! Compras por impulso, ou compras sem pesquisa de preços ainda são uma das formas mais garantidas de aumentar seu custo em até 50% na compra de produtos. Eu sei que é chato ficar pesquisando de loja em loja, mas sempre que for comprar qualquer coisa um pouco mais cara, não deixe de ir em pelo menos DOIS lugares diferentes. Defina uma faixa de preço minima para tornar obrigatória a pesquisa. Pesquisando em dois lugares diferentes, você não cansa tanto, e em 50% das vezes o preço vai estar mais barato no segundo lugar.

14) Transforme as promoções no mercado em investimentos - Você sabe que os supermercados estão sempre em promoção né? Sempre nós encontramos aquelas plaquinhas de "oferta" quando vamos ao mercado, em alguns produtos. Muitas vezes os mercados vendem a preço de custo, ou até com prejuízo, apenas para atrair novos clientes. Quando encontrar uma dessas ofertas com um grande desconto para produtos não perecíveis, compre uma GRANDE quantidade deles; realmente o máximo que conseguir. Nada de comprar só um ou dois. Vou fazer uma conta rápida pra você ter uma idéia do poder da compra: Seus melhores investimentos em um ano vão render a uma taxa de 7% acima da inflação. Se você comprar um estoque para um ano de shampoo ou sabontete, com desconto de 30%, isso equivale a 4 anos de investimento! Portanto... lembre-se disso: Assim como voce investe em um CDB, invista em produtos nao perecíveis em oferta. Você não vai encontrar alternativa financeira melhor para seu dinheiro. Lembre-se que um shampoo com 30% de desconto, já vai receber a valorização da inflação mensalmente; portanto isso equivale a IPCA + 30%... parece bom né??? kkkk... Talvez você precise de um carrinho a mais para levar seu investimento para casa...

15) Pague aluguel um ano a mais - Toda pessoa precisa de uma casa né. Não vou discutir aqui as vantagens entre comprar ou alugar, pois esse assunto já é manjadíssimo. Sou uma "brick lover" assumida e aredito que toda pessoa tem que ter sua casa própria, pouco importa se deixar o dinheiro no RDB da Financeira Cramunhão vai render 5% a mais. "Quem casa, quer casa", como diz a minha mae... Mas isso não significa que você precise comprar a casa JÁ! Espere um ano a mais antes de entrar no financiamento. Assim você vai engordar a entrada, e diminuir significativamente os juros. Não tenha tanta pressa para comprar sua casa própria. 

16) Encontre um grupo de motivação - Os gurus do sucesso chamam esse tipo de grupo de "Mastermind Group". Fazer tarefas muito longas, complexas e difíceis, como atingir a independência financeira, exigem uma motivação elevada e muita, mas muita persistência. Se seguirmos esse caminho sozinhos, a nossa chance de tombar no caminho será muito maior. Estes grupos de motivação ~reunem pessoas com um objetivo comum, altamente motivadas, que trocam experiências, idéias, e fazem incentivo mútuo para atingirem um mesmo objetivo (ainda que de forma individual). Os principais grupos de mastermind de independencia financeira são blogs como este, fóruns, e grupos de whatsapp. Dificilmente você conseguirá montar um grupo desses no seu trabalho ou na sua cidade, mas a internet facilita muito a nossa vida nesse sentido. Use e abuse dos mastermind groups. Esta estratégia já se comprou eficaz em todo tipo de tarefa árdua e longa; como por exemplo temos os Alcoólicos anônimos, os narcóticos anônimos, os vigilantes do peso... e quem sabe nós formamos aqui os Milionários Anônimos?  Esses grupos não só trazem motivação, mas funcionam como uma espécie de confessionário, onde um membro vigia o outro.

17) Não use aquecedores em casa no inverno - Mais uma dica simples no meio das dicas complexas. Tenho visto pessoas gastando muita energia elétrica com aquecedores. Simplesmente coloque casacos e blusas de lã no inverno quando estiver frio demais em casa. A sua independência financeira agradece. 

18) Lembre-se: Cartão de crédito e parcelamento não criam dinheiro. Parcelar as despesas, ou mandar a conta para o cartão de crédito não vão aumentar seu poder aquisitivo. São só uma forma de pagamento. Muitas pessoas vivem na ilusão de que se dividirem aquela compra cara em 3 ou 5 vezes vão ter seu poder de compra aumentado. Isso não é verdade. Dinheiro só vem de trabalho e investimentos (renda passiva). Parcelar as compras, ou comprar no cartão de crédito vai diminuir o seu poder aquisitivo, pela menor possibilidade de conseguir desconto ou o custo de oportunidade por não deixar o dinheiro investido até ter o valor total para comprar à vista. Você pode achar que parcelar uma compra vai fazer você conseguir as coisas antes, eu te digo que isso é mais uma ilusão. Parcelar seu carro ou seu celular não faz com que você tenha o bem antes; pois você está sempre pagando as parcelas do carro anterior. Sempre que possível (sempre?) economize o dinheiro em uma conta específica para isso (como um CDB 100% CDI) e compre a vista; isso vale para carro, celular, bolsas, sapatos, e todas as coisas mais caras.

19) Ensine seus filhos a poupar - Eu sei que isso não tem muito a ver com a sua independência financeira, mas este é um dos melhores presentes que você pode dar para eles, depois da educação. Mesmo que seu filho ganhe uma mesada pequena, ensine-o a sempre guardar 10% da mesada, ou daquele dinheiro que ele ganhou da vovô. Se você acha que seu filho merece uma mesada de R$ 90, dê a ele R$ 100 e "obrigue" ele a guardar 10%. Pode parecer pouco, ou inútil, mas o ensinamento que isso vai causar será fantástico. Como seria sua vida hoje se você tivesse guardado 10% de TODOS os seus salários e mesadas que recebeu na vida? 

20) Não vá ao mercado com fome - Essa você já conhecia né? Mas não canso de dizer isso.... Faça uma boa janta e só então vá fazer compras. A economia em comida será no minimo 15%.

Bom gente... conforme prometido, aqui estão as 10 dicas de economia de hoje... Você tem mais alguma? Deixe ela nos comentários e adicionarei à lista do blog, abaixo desta frase!! Beijinhos!! =^.^=


sexta-feira, 28 de outubro de 2016

10 dicas para seu sucesso financeiro


Oi gente! Que tal algumas mega super hiper dicas para atingir a tão sonhada liberdade financeira? Atingir "aquele" milhão com que a gente tanto sonha? Pois é! Eu quero, você quer... como fazer isso? Bem... a base nós sabemos: frugalidade, juros compostos, tempo.... Mas devido ao sucesso do último post com "dicas de economia", resolvi fazer mais um post com dicas, dessa vez "dicas para ficar rico". Já aviso que não vai ter nenhuma dica milagrosa; no fundo no fundo você vai ter que trabalhar duro e viver uma vidinha espartana, tá? Mas vamos lá a algumas dicas... que talvez tornem a sua caminhada para a riqueza no mínimo um pouquinho mais divertida, eficiente, ou saudável mentalmente.

1.  Aproveite mais o que a vida te dá de graça - Quando pensamos em lazer ou diversão, logo vem à mente coisas como viagens, jantar fora, jogos de videogame, não é? Pois bem... faça uma lista de coisas que são legais ou divertidas e que não custam nada (ou quase nada), e comece a substituir coisas pagas pelas coisas da lista. Por exemplo passeios no parque, escrever ou ler blogs (como este), jogar jogos de tabuleiro com sua família, ir a exposições ao ar livre, prepara um prato culinário, ler um livro, fazer um churrasquinho só com linquiça, Schin e Dolly.... e por aí vai! Lembre-se: as coisas não precisam ser caras para serem legais. 

2. Comemore cada sucesso - Desenvolva o hábito de fazer pequenas comemorações sempre que atingir uma meta nos seus projetos de independência financeira (por exemplo atingir 50k, ou 100k...). Leve sua esposa para comer fora (um cachorro quente no trêiler da esquina por exemplo... tem coisa mais gostosa, divertida e barata que isso?). Fazer estas comemorações ajuda você a se manter motivado. 

3. Envolva sua família no projeto - É muito mais difícil levar uma vida frugal sozinho. Se sua esposa
ou filhos não estiverem engajados na caminhada, você vai passar o tempo todo com o inimigo ao seu lado. Uma esposa que não acredita na sua meta irá sabotar seus objetivos e desencorajá-lo quando achar que voce está guardando "demais" ou "sem motivo". Mostre para sua esposa como a independência financeira será bom para ela também; tente mostrar as vantagens do ponto de vista dela, como por exemplo: você terá mais tempo para passear com ela, ou poderão fazer aquela viagem dos sonhos juntos, ou comprar um carro maior para ela... etc. 

4. Pense sempre à frente - Nosso projeto de independência financeira é para longo prazo. Portanto tente sempre pensar em coisas que podem acontecer com a economia ou o Brasil nos próximos anos, quando for tomar suas decisões. Quer um exemplo? Muita gente está se enchendo de títulos do tesouro a 5% porque os juros estão em tendência de queda... Mas o que aconteceria se em 2018 nas eleições, voltassem ao páreo a dobradinha Lula presidente e Dilma senadora? Possivelmente os juros iriam disparar de novo, e os títulos comprados a juros baixos, com vencimento para 2035 iriam derreter... Você se lembra daquela analista do Santander que foi demitida na época da eleição, a "pedido" do Lula, que na época declarou: "Ela não entende p* nenhuma de Brasil, pode mandar ela embora e dar o bônus dela pra mim, que eu sei como é que eu falo."; simplesmente porque (corretamente) avisou sobre esse risco em um relatório do banco? Vou colocar a profecia dela aqui novamente: "...se Dilma se estabilizar ou voltar a subir nas pesquisas, um cenário de reversão pode surgir. O câmbio voltaria a se desvalorizar, juros longos retomariam alta, e o índice da Bovespa cairia, revertendo parte das altas recentes."  Veja que ela acertou absolutamente tudo. É claro que não podemos adivinhar o futuro, mas este relatório me parece se encaixar perfeitamente na realidade atual. Portanto, se você quer enriquecer, tome cuidado com o futuro, mesmo quando todos estiverem festejando o presente.  P.S: Um ano depois, ela recebeu uma indenização de 450 mil pela trapalhada do banco.

5. Se estiver em dúvida, dê um tempo nos investimentos - Lembre-se: você não é realmente obrigado
a investir todo seu dinheiro assim que ele cair na sua conta corrente. Naqueles momentos em que você achar que "tudo está caro", com ações caras demais, FIIs caros, juros baixos.... e parecer que nada está bom para investir, talvez o melhor a fazer seja simplesmente deixar o dinheiro em um investimento com liquidez diária, para que você ganhe tempo para pensar ou esperar novas oportunidades. Quem sabe dali a 2 semanas não apareceça um lançamento de IPO de debêntures ou CRI, ou aquele FII que você estava namorando passe por algum problema e ganhe um belo desconto na cota? Você não precisa ter pressa para investir; seu projeto e de longo prazo. 

6. Não seja um taxeiro fanático - Todos nós gostamos de pegar taxas boas, não é? Mas não vai ser "aquele" 0,1% a mais que fará diferença na sua independência financeira. Se você não se sente confortável em deixar seu dinheiro na Financeira Cramunhão, que paga 140% do CDI mas está com o balanço péssimo, talvez o melhor seja investir naquilo que você já conhece e confia, mesmo que o rendimento seja sensivelmente inferior. Perder um tiquinho de taxa não vai fazer tanto mal assim. 

7. Evite girar demais sua carteira atrás do 1%- Quando estamos começando a investir, a cada mês aparece uma  "nova" oportunidade do século; aprendemos sobre uma nova modalidade de investimento, ou descobrimos um banco que paga melhor. Ficar tirando seu dinheiro de um lugar e colocando em outro o tempo todo não vai ser bom para você. Coloque os novos aportes no investimento melhor, sem ficar obcecado em tirar o dinheiro dos aportes antigos. Lembre-se: a cada girada na carteira você vai começar de novo a tabela regressiva do imposto de renda, vai pagar corretagens, novas taxas de transferência, perder alguns dias de rendimento, etc. Dizem que o tal Bastter fala que "Patrimônio não se gira, se acumula". Eu não conheço a tal de doutrina Bastter de que as pessoas tanto falam (me parece ser algo como buy and hold), mas creio que ele está certo nesse sentido. Foco nos novos aportes; só mude de lugar os antigos se for realmente necessário. 

8. Sua paz de espírito é mais importante que o rendimento - Lembre-se: o objetivo do seu dinheiro é te deixar feliz; calmo, e te trazer segurança. Se seus investimentos estão te deixando ansioso, aflito, ou se passa tempo demais preocupado se suas ações vão subir, se seu FII vai ficar com vacância, se os juros vão cair, ou se a financeira Cramunhão vai quebrar, você não está investindo certo. Como eu disse na dica 7, aquele 1% não é tão importante assim. Você tem que dormir em paz, tranquilo e seguro com seus investimentos. Se eles estão te dando ansiedade, dê uma amenizada na sua carteira para incluir ativos mais seguros; uma maior porção de renda fixa, bancos mais sólidos, maior liquidez, ou qualquer coisa que te faça se sentir melhor. 

9. Pare de procrastinar - Deixar tudo para depois diminui muito sua eficiência global. Sempre que receber uma nova tarefa, cumpra ela no mesmo dia, para limpar sua mente para pensar em coisas mais úteis. Quando você tem muita coisa infernizando sua cabeça, você perde muita produtividade com pensamentos inúteis. 

10. Use seu FGTS para amortizar seu financiamento imobiliário. Você sabia que a cada dois anos você pode usar o dinheiro do FGTS para amortizar a dívida de seu financiamento? Esse dinheiro fica lá parado na sua conta rendendo quase nada (TR + 3%). Não deixe de usá-lo; afinal de contas, é um direito seu. Para fazer essa amortização, basta ir ao banco levando sua declaração de imposto de renda e o extrato do FGTS, que você pode tirar pela internet.
Passado 1 ano da famosa carta: a superintendente do Santander estava errada? - InfoMoney
Veja mais em: http://www.infomoney.com.br/blogs/terraco-economico/noticia/4124927/passado-ano-famosa-carta-superintendente-santander-estava-errada

Bom gente... vou parar por aqui para não tornar essa postagem massante... mas quanto mais eu escrevia, mais vinham novas idéias à minha cabeça!!! Devo estar na fase maníaca de meu transtorno bipolar... Mas tudo bem né? De qualquer forma, tem mais umas 30 dias aqui na minha cabeça... então aguarde a parte 2,  ou parte 3 dessa postagem, com mais 10 dicas em cada um...

Beijinhos!! Adoro vocês! =^.^=


Quais investimentos geram renda mensal?

Oi gente!! Tudo bem? Hoje vou falar sobre algo que a maioria de nós aqui deseja: Uma renda mensal.
Pois é... você já pensou como vai fazer pra obter uma renda mensal? Não estou falando em como juntar o dinheiro... mas sim como transformar esse dinheiro que você economiza em uma renda mensal? 

Saiba que dentre as diversas modalidades de investimentos e aplicações financeiras, existem um bom número delas que oferecem uma pequena renda mensal, que é carinhosamente chamada pelos investidores de "pingado". Isso mesmo! Pingado... porque todo mês pinga um pouquinho na sua conta. 

Economizar e guardar, nós já sabemos como faz! Vida frugal e paciência! Mas hoje vou falar sobre as formas de transformar um volume financeiro em um pingado, e fazer um breve comparativo entre elas.

Lembro que essas idéias são só considerações pessoais minhas, tá? Não estou dando indicação ou dica de compra de nada kkkk... Como diziam no Mundo de Beakman: não tentem isso em casa, crianças!! kkk Mas vamos lá falar sobre as coisas que pingam!!!





INVESTIMENTOS QUE PAGAM PINGADOS:

1 - Imóveis de aluguel - Isso mesmo! Em tempos de juros altos, todo mundo esquece dos imóveis de aluguel de que nossos pais tanto gostam! Eles dão, sim um pingado mensal! A rentabilidade não é lá aquelas coisas, viu? Um imóvel bem alugado (uma sala comercial por exemplo) vai dar algo em torno de 0,4% ao mês, descontando desse valor até 27,5% de imposto de renda e mais uns 8% das taxas da imobiliaria... Pra piorar, ainda corre sempre o risco do imóvel ficar vago durante longos períodos. Resultado? Você tem quase mais trabalho do que lucro... no final das contas não sobra muito dinheiro. Não acho bom para investimento, apenas para quem já tem o imóvel e não quer deixar fechado. Apesar da baixa rentabilidade, os imóveis, sem sombra de dúvida são o investimento mais seguro do mundo. Nem a poupança é totlamente segura (lembra do Plano Collor?). Mesmo se o Godzila derrubar a sua casa, você ainda pode vender o terreno... Em geral os imóveis comerciais, ou imóveis menores têm um valor relativo de aluguel mais alto. 

2 - Tesouro direto IPCA com juros semestrais - O tesouro direto tem títulos que pagam juros semestrais, acima da inflação. Isso mesmo! Você coloca uma grana no tesouro direto, e a cada 6 meses você recebe uma parcela de juros, chamada "cupom". As datas de pagamento dos cupons são fixas (não importa a data em que o investimento é feito). Como temos dois tipos de títulos com essa forma de pagamento (o Tesouro IPCA 2035 com juros semestrais, e o Tesouro IPCA 2050 com juros semestrais), que pagam em datas diferentes os cupons, se você tiver metade do dinheiro em cada um deles, em média a cada 3 meses vai receber um cupom de juros. O imposto de renda sobre o tesouro direto é de 15%. É um bom pingado? O Tesouro Direto é considerado o investimento mais seguro do Brasil, pois o único risco é o chamado  "Risco Soberano", ou seja, um calote do Brasil (default, ou moratória), o que esperamos não acontecer, né? Temos aqui o exemplo do "viver de renda", que alocou grande parte do seu capital no Tesouro Direto 2050 com juros semestrais. 

3 - LCI com juros semestrais - Funciona igual ao tesouro direto com juros semestrais, mas o produto é uma LCI. Que eu saiba, só o banco Intermedium tem essa modalidade de investimento. A diferença dessa LCI para o tesouro, é que os cupons de juros ocorrem sempre 6 meses após o aporte inicial, ou seja, se você fizer um aporte por mês durante 6 meses, vai realmente ter um pingadinho mensal no final das contas. Essas LCI tem um vencimento pré-determinado, então depois de 5  anos você vai ter que reinvestir o dinheiro. É isento de imposto de renda.  O valor dos pingados semestrais vão ser de cerca de 3% do valor investido cada um. As LCIs são protegidas pelo Fundo Garantidor de Crédito, então são um produto bastante seguro. 

4 - Fundos Imobiliários (FII) - Sem dúvida os fundos imobiliários estão entre os preferidos dos investidores quando o assunto é pingado. Eles pagam o pingado todo mês, então lá pelo dia 15 de cada mês vai cair na conta um pingadinho; normalmente entre 0,5% e 0,8% ao mês, dependendo do fundo. Existem dois tipos de fundos imobiliários, os "de tijolo" (que são lastrados em imóveis) e os "de papel", que são lastrados em títulos imobiliários (CRI e LCI).  Os fundos imobiliários são comprados em corretoras de valores ou em bancos, e o valor de cada cota (compra mínima) gira em torno de uns 100 reais. Você pode comprar uma só se quiser. O valor da cota flutua em função das condições do mercado imobiliário e da taxa de juros praticada no mercado (SELIC)

5 - Certificados de recebíveis imobiliários (CRI) - São títulos emitidos normalmente por construtoras, para financiar seus projetos imobiliários (construção de imóveis). Este tipo de papel em geral funciona como os fundos imobiliários de papel, pagando o pingado mensalmente. A diferença é que nesses fundos é incluída uma parcela de amortização a cada mês, então após uns 10 anos mais ou menos, o CRI já devolveu todo o principal acompanhado de juros, então a dívida do emissor é paga, e o título "acaba". Os CRI são isentos de imposto de renda também.  O valro mínimo de investimento em geral é em torno de R$ 1000. A forma mais fácil de comprar estes CRI é através de corretoras de valores. Periodicamente eles são emitidos (emissão primária).

6 - Debêntures - As debêntures são títulos privados, emitidos pelas empresas para financiar seus projetos. O tipo mais comum de debêntuires são as chamadas "Debêntures incentivadas", que são aquelas emitidas para financiar projetos de infraestrutura. Essas são isentas de imposto de renda. As debêntures pagam juros normalmente semestrais ou anuais, e sempre têm um cronograma de amortizações, geralmente de cerca de 10 anos. Assim, em geral a cada seis meses vai cair um "pingadão" na sua conta, referente às parcelas de juros e amortizações. Por não serem cobertas pelo fundo garantidor de crédito, elas são mais inseguras que os títulos públicos ou LCI, já que existe um risco da empresa quebrar, ou dar o calote. Assim como os CRI, as debêntures vão sendo amortizadas ao longo do tempo, então na data do vencimento, ela foi totalmente liquidada (paga), e acaba. As debêntures são vendidas nas corretoras de valores. 

7 - Ações pagadoras de dividendos - Esta técnica foi imortalizada pelo grande Luiz Barsi Filho, o mais conhecido e famoso investidor da bolsa de valores no Brasil, que acumulou um patrimônio de mais de 1 bilhão, só comprando ações pagadoras de dividendos, e reinvestindo os lucros. Existem algumas categorias de ações que são experts em pagar dividendos. Normalmente são as empresas que não tem espaço para se expandir, então acabam tendo que distribuir o lucro, pois não há necessidade de investimentos em expansão, devido ao mercado estar já consolidado. Os melhores exemplos sao as companhias elétricas e de saneamento, que não podem simplesmente aumentar seu tamanho, pois ele depende do crescimento da cidade. Em geral as ações pagam dividendos em valores muito abaixo dos obtidos com as técnicas anteriores. Ainda assim, são uma oportuidade a se considerar. 


Bem, estas são as formas que eu conheço de conseguir pingados. Você conhece mais alguma ? E você, que pensa em atingir a independência financeira, já sabe como vai fazer para organizar as retiradas e pingados quando conseguir o seu sonhado milhão? Ao meu ver, o ideal é deixar uma parte do capital alocado em investimentos sem liquidez, para obter um bom rendimento, e outra parte nesses investimentos acima, com cronograma de pingados e amortizações... assim você não precisa "sacar" o dinheiro da sua conta, ele vai "pingando" um pouquinho todo mês. 

Por hoje, era isso gente! Beijocas! =^.^=

O Banco Sofisa Direto é seguro? Vale a pena?

O Banco Sofisa é seguro?
O Banco Sofisa é confiável?
Alguém conhece o Banco Sofisa?
O Banco Sofisa vale a pena?

Essas são questões que estamos escutando o tempo todo quando falando em finanças. Está todo mundo querendo saber a resposta para estas perguntas, desconfiados. Por isso, preparei para vocês, meus queridos leitores, um "review" sobre o Sofisa! Tudo aquilo que você sempre quis saber, mas nunca teve para quem perguntar.

Primeiro, vamos puxar um pouco da história do banco Sofisa. Mesmo que ele pareça uma espécie de novidade no mundo das finanças, o banco já é bastante antigo. Foi fudado em 1961, já com o nome de Sofisa. Como na época não existia internet, os bancos pequenos acabavam sendo muito pouco conhecidos, e a pessoa comum não tinha acesso aos seus produtos; de forma que ele acabava sendo um produto de nicho, para pessoas muito específicas. 


Foi com o advento da internet, e a popularização do acesso por dispositivos móveis e internet banking que o banco Sofisa teve seu grande salto. A criação das contas bancárias digitais, em 2010 pelo Banco Central, foi o grande estímulo que faltava para a popularização dos bancos pequenos e médios, porque como toda pessoa faz questão de manter uma conta corrente em um banco grande, a isenção de tarifas era quase que um fator obrigatório para sua popularização. 

Assim, o banco criou a marca "Sofisa Direto", que se trata de um produto do banco voltado para investidores com acesso à internet, smartfones, e ao internet banking como um todo. Mas o que o "Sofisa Direto"?. É uma conta bancária exclusiva para investimentos (ou seja, não tem talão de cheques, cartão de débito, nada). Esta conta só aceita transferências via DOC ou TED de uma conta corrente do mesmo titular em outro banco. Todo o processo deve ser feito online. Desde a abertura da conta o processo todo é eletrônico, sem contato humano. Ou seja, o banco não tem agências físicas para atendimento, e todo contato com o usuário é feito via internet. 

Mas qual é a grande vantagem, então, de ter uma conta de investimento no banco Sofisa?  Para que ele serve? 

 O foco do banco Sofisa são investimentos em CDB. O banco possui uma série de CDBs com diferentes prazos de resgate, todos eles com uma rentabilidade muito acima da praticada por bancos grandes. O produto mais famoso do banco é o CDB com liquidez diária, que rende 100% do CDI. Para se ter uma idéia do que isso significa, um CDB de banco grande tem rendimento muito inferior, normalmente de cerca de 80% do CDI. Isso significa, na prática, que o dinheiro investido ali vai render até 25% a mais do que se estivesse em um banco comum. Não há valor mínimo para os investimentos (pode ser de R$ 1 se voce quiser), eles não pedem comprovante de renda, e permitem novos aportes, bem como resgates parciais do valor investido.

Mas como abro uma conta no Sofisa? Para abrir a conta no sofisa, você deve entrar no site do banco, e abrir a conta online. Você faz um cadastro pela internet, e envia fotos de seus documentos por e-mail ou por whatsapp. Isso mesmo, não é necessário enviar nada pelo correio e nem comparecer pessoalmente na agência. Mas se você pretende abrir a conta lá, saiba que eles são bem rígidos com os dados, e verificam tudo. Portanto, tome cuidado para que os números de telefone fornecidos realmente atendam (principalmente o número comercial), e as fotos estejam bem nítidas, senão o cadastro não dará certo. 

Depois que sua conta estiver aberta, eles enviam um e-mail informando que seu acesso foi liberado, e a partir daí você passa a fazer todo acesso via internet. Não tem nenhum tipo de taxa ou tarifa; é realmente tudo "grátis". Para fazer os investimentos, você realiza um DOC ou TED de sua conta corrente comum, e em cerca de 30 minutos o dinheiro aparece na sua conta do Sofisa para você fazer os investimentos. Para fazer o resgate, o processo é o inverso: você solicita resgate no Sofisa, e faz um TED (grátis) do Sofisa para sua conta corrente comum.

Mas posso utilizar a conta do Sofisa como uma conta corrente comum, com cartão de débito e crédito? Não, gente... o banco é para investimentos, gente; as únicas opções disponíveis são fazer e resgatar investimentos, e transferir o $ para sua conta corrente normal do banco  grande. 
Mas o Sofisa é seguro? Sim, é muito seguro, por dois motivos. O primeiro motivo é que todos os investimentos disponíveis no banco são cobertos por um seguro chamado Fundo Garantidor de Crédito (FGC). O é uma seguradora gigantesca, que faz o seguro de todos os produtos. Isso significa que caso o banco quebre, ou vá à falência, todo seu saldo de investimentos, até o valor de R$ 250 mil, está garantido, e você recebe este dinheiro de volta do seguro em cerca de 60 dias. É como se fosse um seguro de carro mesmo, e no FGC você pode confiar, pois é uma instituição seríssima, que inclusive faz o seguro de todos os investimentos de CDB, caderneta de poupança, e LCI dos bancos grandes, como o Banco do Brasil ou a Caixa Econômica Federal.

Fonte: Banco Data
Mas o banco é confiável? Não vai quebrar? Bem... garantir que não vá quebrar, obviamente ninguem tem como garantir, né? Mas vamos analisar o balanço e rating do banco. Primeiro, vemos que ele possui rating excelente, tanto pela Fitch (A-) como pela Moody's (Aa3). Ou seja, ele possui o chamado "grau de investimento"; o que na prática é uma espécie de chancela das agências, que diz que "Pode investir aqui que eu considero seguro".  Para fins de comparação, o rating da Petrobrás é B2.. ou seja, é mais "fácil" quebrar a Petrobrás do que o Sofisa. Além disso, o banco vem apresentando lucro líquido constante, sem ter tido prejuízo em nenhum trimestre entre 2014-2016.  Em épocas de crise, só isso já significa muita coisa.

Fonte: Banco Data
O banco tem um excelente aplicativo tanto para Android como para Iphone, que automatiza todo o processo de investimento de forma muito intuitiva. É realmente muito fácil de usar, mesmo por pessoas com menos familiaridade com aplicativos de banco. Todo o processo de investimento, resgate e transferência é automatizado e muito simples. 

Concluindo, ao meu ver o banco Sofisa é uma ótima opção bancária para investimentos, para aquelas pessoas que querem obter uma rentabilidade superior aos bancos grandes, e não querem abrir conta em corretoras de valores, e nem passar por processos complicados ou ter que se envolver em coisas difíceis de entender. 

Bom gente, era isso que eu tinha para falar sobre este excelente banco que é o Sofisa! Portanto, se você fico uinteressado, vale a pena conferir o site do banco!


Fica a dica!! Beijinhos!!! =^.^=

http://www.sofisadireto.com.br/abra-sua-conta/

Nota: A autora não possui qualquer vínculo com o banco, e nem recebeu nada pela matéria.

quinta-feira, 27 de outubro de 2016

A caneta do Intermedium: Objeto de desejo



Oi Gente!! Tudo bem com vocês? Hoje vou falar sobre o mais quente objeto do desejo que anda circulando pelas redes sociais, blogs, e foruns de finanças: A famosa "caneta do intermedium".

Pera aí... você não conhece a caneta do Intermedium? Bom... acho que já deve conhecer... mas se não, agora você vai ter a oportunidade.

O Banco Intermedium a gente já conhece faz um bom tempo. Ele ficou famoso por ter uma conta corrente totalmente digital, gratuita, sem nenhum tipo de tarifa, e oferecer cartão mastercard platinum ou black, sem cobrar NADA por isso.

Isso mesmo. Mas não é só isso! Se não bastasse ele oferecer tudo grátis, ele é famoso por ter CDB 100% CDI com liquidez diária e LCI com excelentes taxas...

Precisa de mais? Precisar, não precisa... mas eles pensaram em tudo! Justamente para se opor à figura do banco clássico, cheio de gente carrancuda e longas filas, eles investiram pesado na política de relacionamento com o cliente.

Logo que você abre sua conta, vai receber uma carta com o cartão de débito / crédito, livre de anuidade (você só desbloqueia a função crédito se quiser, senão ele funciona como um cartão de débito para os caixas 24 horas). Mas se você fizer um investimento no valor de R$ 5000, você recebe um presente: Uma caneta com seu nome gravado em letras douradas!

Eu imagino que o banco não imaginava o quanto essa técnica faria sucesso. Hoje ter a tal "caneta do intermedium" se tornou um símbolo de status e de ser um investidor "descolado"; quase um hipster. A caneta é de ótima qualidade, e o fato de ter seu nome gravado, dá um carinho adicional ao produto.

Fotos: Fórum Hardmob
Se você frequentar os fóruns de investidores, vai ver uma sequência de postagens das pessoas ostentando suas canetas; como se fosse um símbolo que dissesse: "-Eu faço parte desse clube!"

E se já não fosse suficiente enviar a caneta, o banco ainda conseguiu mais uma estratégia campeã: No dia do seu aniversário, eles enviam um cartão, pintado à mão por crianças carentes, e fazem uma doação de R$ 100 para uma instituição de caridade de crianças. Legal né? E o mais interessante é que o cartão, de novo, tem o seu nome... com a criança que pintou te desejando felicidades.

Para quem for investidor tubarão, ainda tem um presente extra, que é um adaptador de tomada para viagens (para carregar celular ou coisas assim), e mais um massageador / apoio de cabeça, para utilizar em aviões.

Os presentes vão aumentando quanto "melhor" for o seu relacionamento com o banco; ou seja, quanto mais dinheiro você tiver investido, melhores vão ficando os presentes.

O limite do seu cartão de crédito é definido pelos seus investimentos; e para receber esse kit de viagem, circula um boato de que o investimento mínimo é de R$ 50.000... mas isso ainda precisa de confirmação né, pois já foi difícil pacas encontrar essa foto do kit (que me parece ser a única disponível na internet).

Portanto... se você é cliente do intermedium, esteja preparado para receber esses "mimos" do banco. O único inconveniente, que vale a pena comentar, é que eles enviam tudo em um envelope laranjado, enorme, com o logotipo do intermedium... então até o carteiro sabe que você é investidor... isso levanta um pouco dúvidas sobre segurança; mas nada que arranque pedaço. Afinal de contas, quem tem meia dúzia de cotas de fundos imobiliários já está acostuado a receber cartinhas dos administradores em casa, como se fosse gente rica. 

Essa ao meu ver foi uma excelente jogada de marketing do banco; afinal de contas, o desejo mais íntimo de toda pessoa é ser especial; é ter seu nome lembrado por alguém, ou ser reconhecido como único. Nos EUA milionários doam fortunas para universidades só para ter um prédio com seu nome... e aqui, não poderia ser diferente, ainda que a versão "tupiniquim" seja uma caneta...

Ainda assim, é uma caneta com o SEU nome.... Myyyyy preciousssss.... =^.^=

Beijinho gente!! té mais! =^.^=